eng / port

O DIA QUE O RATÓN ROJO CHE BRAGA NÃO PERDEU A PACIÊNCIA
28.10.2015 | 28.10.2015

No dia 28 de outubro, a Galeria Rabieh apresenta o trabalho audiovisual silencioso O DIA QUE O RATÓN ROJO CHE BRAGA NÃO PERDEU A PACIÊNCIA, de autoria de Iara Guedes e Victor Lema Riqué.  Com duração aproximada de 30 minutos, o vídeo será apresentado em duas sessões às 18h e às 19h. Às 20h, as imagens, antes mudas, serão acompanhadas por performance musical ao vivo do músico e teórico Sergio Basbaum. A projeção e performance serão seguidas por uma conversa entre o curador Paulo Gallina, Sergio Basbaum e o artista visual Victor Lema Riqué, junto ao público presente.  

O DIA QUE O RATÓN ROJO CHE BRAGA NÃO PERDEU A PACIÊNCIA
é um trabalho experimental de Victor Lema Riqué em parceria com  a performer Iara Guedes, o fotógrafo Ale Ermel e a poeta Gesine Last. O trabalho foi concebido de forma aberta para ser discutido e reinterpretado de diferentes formas.
 

O trabalho integra a exposição ONTOGÊNESE, individual de Victor Lema Riqué com curadoria de Paulo Gallina prevista para 2016.


Voltar