eng / port

O Bailado do Deus Morto
18.09.2013 | 19.09.2013

“O Bailado do Deus Morto” é uma peça de Flávio de Carvalho, escrita em 1933. O artista Dacio Bicudo teve a ideia de adaptar essa peça para o roteiro de um filme. Ele dividiu as cenas do texto, recriando e amarrando a narrativa em diversos curta-metragens que foram produzidos por trinta artistas/diretores, entre eles o próprio Dacio, e José Celso Martinez Corrêa, que apresentou o filme. Na noite da abertura, Katia Canton relançou seu livro "Fantasias: Flávio de Carvalho", com desenhos feitos por Flávio de Carvalho, em 1953, para o balé "A Cangaceira" e poemas que refletem a expressividade de cada personagem criado pelo artista.

Artistas participantes do filme: Katia Canton, José Roberto Aguilar, Felipe Enrenberg, Edith Derdyk, Lucas Bambozzi, Beth Moysés, Dácio Bicudo, Luciana Ramin, Clarissa Guimarães, Kátia Coelho, Regina de Barros, Mari Pini, Natascha Bicudo, Lucila Meirelles, Monique Allain, Reinaldo Pinheiro, Clarisse Tarran, Rafael Câmara, Bruno Baptistelli, Malu Schroeder, Tamy Marraccini, Patrícia Francisco, Claudia Vieira, Sonia Guggisberg, Augusto Calçada, Fernanda Eva, Ana Pinheiro, Fábio Mendonça, Lucas Länder, Rodrigo Gontijo e Gabriel Diaz-Regañón .


Voltar